Site criado em 25/01/2002
Agora 12 usuários on line Data: 22/5/2015
Horas:
Home
Contato
 
HOME
Clique na foto

“Todos os homens nascem livres e iguais em dignidade e direitos”.
Declaração Universal dos Direitos do Homem.

“Ao deixar esta terra abençoada do Brasil, eleva-se na minha alma um hino de ação de graças ao Deus altíssimo... (E deixo-vos) na certeza do amparo maternal de Nossa Senhora da Penha, que ao seu Santuário, protege esta Cidade Maravilhosa.”
João Paulo II




VATICANO EM 3 D

Cappella Sistina.
Basilica di San Pietro.
Basilica di San Paolo fuori le Mura.
Basilica di San Giovanni in Laterano.



Foto: Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o capo brasileiro.
O ex-presidente Lula é um gangster, ele chefia uma organização criminosa, capaz de roubar, matar, caluniar e liquidar qualquer um que passe por sua frente ameaçando o seu projeto de poder.
Heloisa Helena, ex-petista, fundadora do PSOL.



FRASE

“Estaremos sempre solidários com aqueles que, na hora da agressão e da adversidade, cumpriram o duro dever de se oporem a agitadores e terroristas de armas na mão, para que a Nação não fosse levada à anarquia”.
Gen Ex Walter Pires de Carvalho e Albuquerque
Ex Ministro do Exército.



Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na mira do Ministério Público Federal

O capo mor da república, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mais conhecido no meio da criminalidade como “O Barba’, é pela primeira vez solicitado a prestar esclarecimentos ao Ministério Público Federal.
Entregar uma intimação ao mafioso tem sido um exercício de coragem que sempre faltou ao MPF. Nunca tendo ‘o encontrado’ para o cumprimento da missão.
O ex-presidente é tido como intocável. Todos os temem, até a Justiça brasileira! Esse medo é consequência do fenômeno conhecido como ‘rabo preso’. Todos, senão a maioria dos políticos, empresários, membros da Justiça e muitos militares desgarrados de seus deveres profissionais, não têm coragem de denunciar o criminoso.
Vamos ver até onde vai prosperar essa ação do MPF. Será uma vitória moral para a democracia e a certeza de que ainda existe esperança do Brasil voltar a trilhar os trilhos só percorridos pelos países do primeiro mundo, desagregando-o da pocilga em que vivem chafurdando países como Cuba, Venezuela, Bolívia, Argentina e muitas nações sob o julgo de ditadores cujos únicos predicados são explorar o seu povo e enriquecer ilicitamente.
Torço para que desta vez o bandido seja desmascarado e caia nas garras da Justiça.

José Geraldo Pimentel

A NOTÌCIA

Procuradoria pede esclarecimentos a Lula, BNDES e Odebrecht

O Ministério Público Federal pediu esclarecimentos ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, à construtora Odebrecht e ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para apurar suposto tráfico de influência do ex-presidente.
Em parecer emitido na segunda-feira, 18, a procuradora da República Mirella de Carvalho Aguiar, prorrogou por mais 90 dias a notícia de fato - fase que antecede a abertura formal de investigação. De acordo com a procuradora, as informações são necessárias para que o órgão decida se abrirá ou não investigação formal contra o ex-presidente.
De acordo com parecer de Mirella "esta notícia de fato merece aprofundamento, com a realização de diligências visando à aferição de sua verossimilhança, para só então, na hipótese de efetiva colheita de indícios dos fatos narrados, aferir-se se encontram adequação típica no ordenamento jurídico nacional, caso em que poderá ser instaurada ou requisitada investigação, com a definição da estratégia investigatória".
Foram pedidos o envio de ofício do Instituto Lula para informar, em 15 dias, a agenda oficial do ex-presidente em viagens para a América Latina e África entre 2011 e 2014. A procuradoria pediu ainda que o órgão informe se houve apresentação de palestras durante as viagens e, se sim, quem fez o pagamento. A informação que deu início às investigações foi revelada pela revista Época.
À Odebrecht, o Ministério Público pediu informações se a empresa pagou viagens internacionais a Lula e, em caso afirmativo, se elas tinham relação com investimentos da empresa. A construtora terá de esclarecer ainda nome de seus representantes que possam ter acompanhado Lula nos compromissos. Além disso, são solicitadas informações sobre se foi firmado algum contrato entre o Instituto Lula e a Odebrecht entre 2011 e 2014. É preciso ainda esclarecer se contratos firmados receberam recursos do BNDES.
Ao banco de fomento foi solicitado o envio de documentos referentes a contratos de financiamento para execução de obras ou fornecimento de bens ou serviços pela Odebrecht em países da América Latina e África entre 2011 e 2014. O BNDES deverá indicar ainda os recursos que foram liberados em cada contrato, a taxa de juros incidente, o prazo de pagamento e as garantias exigidas no fechamento dos empréstimos.
Um último pedido foi feito ao Ministério de Relações Exteriores para que sejam encaminhadas cópias de telegramas ou despachos telegráficos que tratem de viagens ao exterior cujo conteúdo mencionem os nome do ex-presidente Lula, Cuba, República Dominicana, Venezuela, Panamá ou Angola.
Um procedimento foi aberto no MPF para apurar se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cometeu tráfico de influência internacional. A investigação tem como base uma representação recebida pelos procuradores no fim de abril. A suspeita é de que Lula teria ajudado a construtora Odebrecht a obter contratos na América Latina e na África com recursos do BNDES. O tráfico de influência teria sido iniciado logo após Lula deixar a presidência da República, em 2011, e durado até 2014.
(MSN, com informação do Estadão Conteúdo).



Comandante do Exército convoca os seus reservistas para o Pro-Ativa




DENÚNCIA

Submissão das FFAA

Pelo visto as Forças Armadas caíram de joelhos diante do governo comuno-petista que ora governa o país. Os comandos militares não reagem quando querem mudar o currículo adotado nas escolas militares, permitem que se descerrem uma placa no Corpo de Alunos da Academia Militar das Agulhas Negras, acusando-a de torturar os cadetes durante os exercícios de campo. Impugnam os feitos de seus companheiros que na década de 60 / 70 livraram o país do julgo da então poderosa URSS. “Esqueçam o dia 31 de março de 64!”, sentenciou o ex comandante do Exército, general de Exército Enzo Martins Peri. Na primeira reunião entre os chefes militares e membros da Comissão Nacional da Verdade, foi claro e objetivo: “Não nos importamos se convocarem os ‘militares do passado’ para deporem na Comissão Nacional da Verdade”! O Cel Carlos Alberto Brilhante Ustra ao ser intimado para depor em processo movido contra ele, levando ao conhecimento do ex-comandante do Exército Francisco Roberto de Albuquerque, este respondeu enfático: “O Exército não vai fazer nada”!
Espero que o atual comandante do Exército, general de Exército Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, atue como um verdadeiro líder militar, e não uma figura decorativa de chefe militar implantado no cargo para tanger os militares como ‘gados fardados’ para o abatedouro. As FFAA são instituições de Estado, permanentes, e não grupos armados a serviço dos governantes de plantão.
José Geraldo Pimentel

Colégio Militar do Rio de Janeiro passou a utilizar material didático de orientação comunista!

Minha filha estuda no Colégio Militar do Rio de Janeiro, que hoje, inclusive, faz aniversário – o famoso 6 de Maio do Colégio Militar – e até Jacques Wagner, o Ministro da Defesa, veio para festa.
No entanto, o Exército enfrenta uma verdadeira guerra silenciosa contra suas escolas, e os CMs são os primeiros a sentir seus efeitos. Há anos, esses colégios adotam livros de História e Geografia escritos por historiadores militares e publicados pela BibliEx. Os livros eram ótimos e atendiam perfeitamente as convicções da grande maioria dos famílias cujos filhos frequentam os Colégios Militares.
Pois bem, uma professora concursada e com forte tendência marxista veio a público, em 2014, reclamar sobre o termo contra-revolução de 64 ao invés de golpe militar usado nos livros adotados até então nos CMs. O governo, que já vinha pressionando, aproveitou a oportunidade. Fez uso da força que tem e impôs aos colégios a adoção de material bem diferente para 2015.
Consequência: desde fevereiro deste ano, minha filha está sendo levada a acreditar, como aluna do Colégio Militar, que o capitalismo é a mal do mundo e o socialismo só caiu por força da pressão americana. Esse é o conteúdo do livro de Geografia, mas o de História é muito pior, é nauseante! O autor consegue a proeza de transformar todo e qualquer conteúdo em luta de classes.
Estou muito triste e não sei o que fazer. Já passei mensagens para vários amigos cujos filhos estudam lá pedindo que na sexta dia 8/5, durante reunião de pais e mestres, discutam com os professores, avisem aos mesmos que não aceitaremos gramscismo na sala de aula de nossos filhos. Sei que muitos profissionais não compactuam com essas ideias; há alguns professores que inclusive não estão usando o material imposto pelo governo. Infelizmente, porém, há profissionais que abraçam o marxismo e devem estar usando e abusando dos livros esquerdistas impostos a todos nós, alunos e seus familiares.
Esses professores marxistas são nada mais nada menos que capitalistas vulgares que se vendem ao contra-cheque e permanecem atuando em uma instituição centenária à qual repudiam. São hipócritas vendidos. O que fazer? Será que o Exército está perdendo essa guerra? Estou muito preocupada. Claro que gostaria muito que você escrevesse sobre isso alertando a todos. Posso lhe mandar o nome dos livros adotados. Muito obrigada.
(Carta enviada a Percival Puggina por mãe de aluna do Colégio Militar do Rio de Janeiro).

Percival Puggina (69) é membro da Academia Rio-Grandense de Letras, arquiteto, empresário e escritor; e titular do site www.puggina.org, colunista de Zero Hora, de dezenas de jornais e sites no país; autor de Crônicas contra o totalitarismo: Cuba, a tragédia da utopia e Pombas e Gaviões; integrante do grupo Pensar.



ATIVANDO A MEMÓRIA

A pedido do presidente Lula o TSE, sob a presidência de LEVANDOWISKI, determinou a retirada do comentário de Arnaldo Jabor do site da CBN.
Essa proibição do TSE feriu o preceito constitucional da liberdade de imprensa.
Ricardo Ramos

(Reprodução do artigo de Arnaldo Jabor).

O que foi que nos aconteceu?

Por Arnaldo Jabor

No Brasil, estamos diante de acontecimentos inexplicáveis, ou melhor, explicáveis até demais. Quase toda a verdade já foi descoberta, quase todos os crimes provados, quase todas as mentiras percebidas. Tudo já aconteceu e quase nada acontece. Parte dos culpados estão catalogados, fichados, processados e condenados e quase nada rola. A verdade está na cara, mas a verdade não se impõe, tais são as manobras de procrastinação, movidas por um sem número de agentes da quadrilha. Isto é uma situação inédita na História brasileira! Nunca a verdade foi tão límpida à nossa frente e, no entanto, tão inútil, impotente e desfigurada! Os fatos reais mostram que, com a eleição de Lula, uma quadrilha se enfiou no governo, de cabo a rabo da máquina pública e desviou bilhões de dinheiro público para encher as contas bancárias dos quadrilheiros e dominar o Estado Brasileiro, tendo em vista se perpetuarem no poder, pelo menos, por 70 anos, como fizeram os outros comunas, com a extinta UNIÃO SOVIÉTICA!! Grande parte dos culpados, já são conhecidos, quase tudo está decifrado, os cheques assinados, as contas no estrangeiro, os tapes, as provas irrefutáveis, mas os governos psicopatas de Lula e Dilma negam e ignoram tudo! Questionado ou flagrado, o psicopata CHEFE, não se responsabiliza por suas ações. Sempre se acha inocente ou vítima do mundo, do qual tem de se vingar. O outro não existe para ele e não sente nem remorso, nem vergonha do que fez! Mente, compulsivamente, acreditando na própria mentira, para conseguir o poder. Estes governos são psicopatas! Seus membros riem da verdade, viram-lhe as costas, passam-lhe a mão nas nádegas. A verdade se encolhe, humilhada, num canto. E o pior, é que a dupla Lula-Dilma, amparada em sua imagem de ‘povo’, consegue transformar a Razão em vilã, as provas, em acusações ‘falsas’, a condição de Cúmplices e Comandantes, em "vítimas! E a população ignorante e alienada, engole tudo... Como é possível isso? Simples: o Judiciário paralítico entoca a maioria dos crimes, na Fortaleza da lentidão e da impunidade, a exceção do STF, que, só daqui a seis meses, na melhor das hipóteses, serão concluídos os julgamentos iniciais da trupe, diz o STF. Parte dos delitos são esquecidos, empacotados, prescrevem, com a ajuda sempre presente, dos TÓFFOLIS e dos LEVANSOWISKIS. (Some-se à estes dois: Barroso, Teori Zawaski e Rosa Weber).
A Lei protege os crimes e regulamenta a própria desmoralização. Jornalistas e formadores de opinião sentem-se inúteis, pois a indignação ficou supérflua. O que dizemos não se escreve, o que escrevemos não se finca, tudo quebra diante do poder da mentira desses últimos dois governos. Sei que este, é um artigo óbvio, repetitivo, inútil, mas tinha de ser escrito… Está havendo uma desmoralização do pensamento.
Deprimo-me: Denunciar para quê, se indignar com quê?
Fazer o quê?’ A existência dessa estirpe de mentirosos está dissolvendo a nossa língua.
Este neocinismo está a desmoralizar as palavras, os raciocínios. A língua portuguesa, os textos nos jornais, nos blogs, na TV, rádio, tudo fica ridículo diante da ditadura do lulo-petismo. A cada negação do óbvio, a cada testemunha, muda, aumenta a sensação de que as ideias não correspondem mais aos fatos!! Pior: que os fatos não são nada – só valem as versões, as manipulações. Nos últimos anos, tivemos um grande momento de verdade, louca, operística, grotesca, mas maravilhosa, quando o Roberto Jefferson abriu a cortina do país e deixou-nos ver os intestinos de nossa política.
Depois, surgiram dois grandes documentos históricos: o relatório da CPI dos Correios e a Denúncia do Procurador-geral da República, enquadrando os 39 quadrilheiros do escândalo do MENSALÃO.
Faltou o CHEFÃO.
São verdades cristalinas, como sol a Pino. E, no entanto, chegam a ter um sabor quase de ‘gafe’. Lulo-Petistas clamam: ‘Como é que o Procurador-Geral, nomeado pelo Lula, tem o desplante de ser tão claro! Como que o Osmar Serraglio pode ser tão explícito e, como o Delcídio Amaral não mentiu em nome do PT? Como pode ser tão fiel à letra da Constituição, o infiel Joaquim Barbosa? Como ousaram ser tão honestos?’ Sempre que a verdade eclode, reagem. Quando um juiz condena rápido, é chamado de exibicionista’.
Quando apareceu aquela grana toda, no Maranhão, a família Sarney reagiu ofendida com a falta de ‘finesse’ do governo de FH, que não teve a delicadeza de avisar que a polícia estava chegando. Mas agora é diferente. As palavras estão sendo esvaziadas de sentido. Assim como o stalinismo apagava fotos, reescrevia textos para contestar seus crimes, o governo de Lula, foi criando uma língua nova, uma neo-língua empobrecida da ciência política. Uma língua esquemática, dualista, maniqueísta, nos preparando para o futuro político simplista, que está se consolidando no horizonte. Toda a complexidade rica do país ser transformada em uma massa de palavras de ordem, de preconceitos ideológicos movidos a dualismos e oposições, como tendem a fazer o Populismo e o Simplismo.



ÍNDICE

“Apesar de tudo ainda existem os que teimosamente se dão pelo Brasil, sem nada esperar em troca!”
José G. Pimentel

Suplemento ‘Encontro das Letras’

José Geraldo Pimentel

Depois de uma temporada sem postar matérias no site, em função de uma hospitalização para retirada do Apêndice, volto com uma reformulação da página Pequenas Histórias.
Dentro do site criei um suplemento denominado ‘Encontro das Letras’. Nele passo a postar as matérias não ligadas à temática política e militar.
No suplemento ‘Encontro das Letras’ podem-se acessar ‘ensaios’, ‘crônicas urbanas’, ‘fotografia’, ‘mensagens’, ‘revista cultural’, ‘pensamento livre’, abordagem sobre este autor e sua autobiografia. É uma maneira descontraída de enfocar o meu universo sem entrar na violência do dia a dia, do empobrecimento moral das instituições. Das falcatruas que campeiam pelos quatro cantos do país, dada à submissão das Forças Armadas aos governantes de plantão, à vergonhosa atuação de um Congresso Nacional entregue a políticos corruptos e a um Supremo Tribunal Federal manobrado por uma maioria de seus membros, que não serve à Justiça, mas aos seus beneméritos que lá os colocaram como testas de ferro. Mas acredito que um dia a população irá cansar de ser massa de manobra e voltaremos a ser uma grande nação, não esse entulho de esculacho quinto mundista, que só é grande na cabeça visionária de governantes populistas, que acham que o país é a salvação do mundo, perdoando dívidas e fazendo obras faraônicas para atender governos ditatoriais quer de esquerda ou de direita, mas distanciados do mundo em que vivemos. Para atender a esses governantes, há dinheiro; mas para proporcionar assistência médico-hospitalar, saneamento básico, segurança pública, moradia, emprego e ensino de qualidade, no nosso país, não existe. A inclusão social atende pelo nome de ‘Bolsa Família’; agrado que não chega a um quinto do salário mínimo. O miserável, analfabeto funcional, fica agradecido e forma um contingente de votos de cabresto. O voto que elege e reelege bandido da laia de um ex-presidente da república, - Luiz Inácio Lula da Silva, o ‘Barba’, - lacaio que servia aos colegas de porta de fábrica e aos senhores empresários. Elege e reelege uma ladra e assassina, Dilma Vana Rousseff, o poste plantado pelo que a antecedeu na presidência da república.
O Exército precisa ser salvo da tirania dos atuais governantes. Salvando-o, se salva o país!

Rio de Janeiro, 26 de novembro de 2014.

PUBLICAÇÃO DE LIVRO

‘Três rosas para Maria’, romance escrito por José Geraldo Pimentel.
Primeiro de uma série de seis livros de crônicas que escrevi e passarei a publicar a cada seis meses. Pode-se adquiri-lo acessando o site Docas Bel.
Veja.



EDITORIAL
. A luta do bem contra o mal. (José Geraldo Pimentel).
. Fim de um ciclo. (José Geraldo Pimentel).
. O politicamente correto. (José Geraldo Pimentel).
(...)
. República Popular do Brasil. (José Geraldo Pimentel).

Veja.

CRÍTICA
. Aos meus amigos e aos amigos dos meus amigos. (José Gobbo Ferreira).
. A Metamorfose (?) do Exército Brasileiro? (Gen Valmir Fonseca Azevedo Pereira).
. Carta de uma médica à presidente da república. (Fernanda Melo).
. Resposta do presidente do STF à fala do ex-presidente Lula.
(...)
. A rua petista. (Denis Lerrer Rosenfield).

Veja.

OPINIÃO
. PT - Governo Perdulário. (A. C. Monteiro).
. Não ao socialismo. (Cel José Gobbo Ferreira).
. IPM já! (Cel Alexandre de Mattos Borges Lins).
. Faltaria guilhotina se o povo soubesse o que se passa, diz Alckmin. (Paulo Gama e Daniel Roncaglia).
. “Direitos humanos”. (Rogério Medeiros Garcia de Lima).

Veja.

COMISSÃO NACIONAL DA VERDADE
Relatório final da Comissão Nacional da Verdade
. Meu ponto de vista sobre a Comissão Nacional da Verdade. (José Geraldo Pimentel).
. As vítimas das vítimas. (Jaime Edmundo Dolce).
. Especial ‘Relatório Final da Comissão Nacional da Verdade’.
(...).

Cartilha ensina como se defender da Gestado petista.
Veja.

AS FORÇAS ARMADAS
Substituições no Comando das Forças Armadas
. O que se espera dos novos comandantes de Forças. (José Gerado Pimentel).
. Salve os novos comandantes militares. (José Gerado Pimentel).
. Saudações ao novo comandante do Exército. (Gen Villas Boas, Clube Militar).
(...)
- Nós militares somos uns fracos!

Veja.

CLUBE MILITAR – A CASA DA REPÚBLICA
. Resposta à pesquisa do Clube Militar.
. O pensamento do Clube Militar.
- A comissão nacional da meia verdade e a lei da anistia.
- Um fio de esperança.
- O Exército de sempre.
. Antonio Gramsci.

Veja.

ATUALIDADES
. Manifestações de ruas.
. O comunismo ganhando corpo no Brasil.
. Plebiscito.
. Terrorismo.

Veja.

FFAA EM FOCO

Revisão da Lei da Anistia
Veja.
. TRF manda prosseguir ação do caso Rubens Paiva. (Chico Otávio).
. Procuradoria-Geral da República dá parecer a favor da revisão da Lei da Anistia.
. Comissão do Senado aprova revisão da Lei da Anistia. (Evandro Éboli).
. A melhor defesa é o ataque. Reajam! (José Geraldo Pimentel).


O Movimento Cívico-Militar de 31 de Março de 1964
Manoel Soriano Neto.

Edição especial dos 50 Anos da Contrarrevolução de 1964
31 de Março de 1964 – A Verdade.

Dia da Pátria
Veja.
. Eu vi. (José Geraldo Pimentel).
. Desfile de Sete de Setembro de 2014. (Vídeo).
. Sete de Setembro. (José Geraldo Pimentel).
. Um dia para ser esquecido! (José Geraldo Pimentel).
. Como é bom ser brasileiro.
. Orgulho de ser brasileiro. (José Geraldo Pimentel).
. A Pátria. (Rui Barbosa).
. A Pátria. (Olavo Bilac).


Dia do Soldado
Especial.
. Eu sou um soldado do Exército brasileiro! (José Geraldo Pimentel).
. O recruta 1001. (José Geraldo Pimentel).
. Seguindo o Exemplo de Caxias. (Cel José Gobbo Ferreira).
. Dia do Soldado. (Gen Marco Antonio Felicio da Silva).
. Dia do Soldado, nascimento do imortal Duque de Caxias. (Cel Ney de Oliveira Waszak).
. Ele, sim, governa o Brasil! (Aileda de Mattos Oliveira).


O Dia do Exército sem comemorações
Especial.

(Topo)
 
 
Arpoador
Botafogo
Pç. da República
Ex-Livraria Sodiler (Rua São José, Centro)
Flamengo
Helena (Receio dos Bandeirantes)
Largo do Boticário (Cosme Velho)
Marina da Glória
Rocinha (O mestre da pintura e seus alunos)
Santa Teresa
Pç. XV de Novembro (Tião e Rebeca)
Copacabana (Virada de ano)
 
 
FRASE DO DIA
“Preciso compartilhar o mundo, e não apenas viver!”
José G. Pimentel
 
O silêncio

“Fique em silêncio... Não conteste... Não fale nada sobre as injustiças.
Não se exponha, não reaja e talvez você viva em paz, afinal não está incomodando ninguém. Talvez apenas não consiga dormir por causa dos gritos que vêm de dentro de sua alma clamando por justiça.”

Elis Regina



ÍNDICE

Notícias Nacionais.
Notícias Internacionais.


PROTEÇÃO AOS ANIMAIS


SUA AJUDA É IMPORTANTE

Dê a sua contribuição:
. Proteção aos animais. (Adote um animal).
. A UNEMFA precisa de nossa ajuda.
. Projeto ‘Desafiando o Rio-mar’.
. Wikipédia, a enciclopédia livre.


SELEÇÃO DE ARTIGOS E CRÔNICAS

Vou dar um beijo nas tuas lembranças.
Ácmon Pimentel Pascoal. (5 anos).

O pensamento livre - ‘Falando ao Coração’
Veja.
. Orgulho de ser brasileiro. (José Geraldo Pimentel).
. Confessando com orgulho... (Arnaldo Jabor).
. Onde está o futuro??? (Mauro Rogério).
. As Forças Armadas não estão omissas! (Paulo Chagas).
. Na “Ditadura Militar”, o povo brasileiro era feliz e não sabia. (Luiz José Mendonça).
. As forças divinas nas selvas amazônicas. (Siro Darlan).
. O Sacrifício de Andrômeda. (Lenilton Morato).
. "Se quiser beber, eu bebo". (Antônio Pedro).
. Facebook, o bem e o mal. (Arnaldo Jabor).


Biografia
Artigo de despedida de D. EUGENIO SALES.
. Fonte de paz.

Circe Vidigal
Artigos.

As Forças Armadas em Foco
Veja.
. Nós existimos para DEFENDER A PÁTRIA. (Sérgio Augusto Pinto de Campos - Cel Inf R/1).
. Nós existimos para DEFENDER A PÁTRIA. (Crítica: Ten Cel Fernando Batalha).
. Prezado Professor Olavo de Carvalho. (José Gobbo Ferreira).
. Dissuasão extra-regional, assim, é só discurso. (Luiz Eduardo Rocha Paiva).
. Estratégias de Defesa Nacional. (Partes I e II).
. Atual situação das Forças Armadas. (Demóstenes Torres).
. Brasil precisa decidir sobre sua capacidade militar. (Jorge Serrão).
. O The END de uma farsa. (Lino Tavares).
. A revolução continuada. (Carlos Vilmar).
. Mensagem de alerta para a presidenta. (Paulo Ricardo da Rocha Paiva).
. Questão de honra. (Olavo de Carvalho).
. Forças carentes. (André Soares).
. Quem poupa o lobo mata as ovelhas. (Luís Mauro Ferreira Gomes).

















Velocimetro RJNET



COTAÇÃO


VÍDEOS

A Bolsa Família e a incoerência do presidente Lula

A essência do programa Bolsa Família.

“Os planos do PT pra esse governo, eu acho que eles começaram com a primeira eleição do Lula. A perpetuação do PT no poder. Com o Lula ou com terceira pessoa. Eu me lembro na ocasião em que começaram a falar do bolsa família e tal, eu perguntei ao José Dirceu: “Mas como é que vocês entendem essa questão da bolsa família… porque o Lula sempre falou que as pessoas precisavam ter 3 refeições, o café da manhã, o almoço, o jantar e tal… é nessa linha, ou educar ou não e tal…” E ele me disse: “Olha, você já pensou o que representa isso em matéria eleitoral? Nós vamos beneficiar 12 milhões de famílias, por exemplo. 12 milhões de famílias são mais de 40 milhões de votos.” É isso que é a bolsa família. Quer dizer, não há nada mais profundo do que o problema eleitoral. Quer dizer, você recebe dinheiro pra votar”.
Hélio Bicudo.


NÃO AO COMUNISMO

Pr. Silas Malafaia se diz perseguido pelo PT
(21 de julho de 2014).


Decreto Legislativo contra o golpe de Estado do PT nº 8.243

Mudança de regime por decreto.

Senador Alvaro Dias

O decreto assinado por Dilma, que institui a Política Nacional de Participação Social, enfraquece o Poder Legislativo, representa uma atitude arrogante e autoritária, e podem levar ao engessamento das decisões do próprio governo. Essas e outras opiniões de juristas, ex-ministros e professores sobre a medida tomada pela presidente foram destacadas pelo senador Alvaro Dias, na sessão plenária desta segunda-feira (02/06/14). Na Tribuna, o senador anunciou a apresentação de projeto de decreto legislativo de sua autoria para sustar os efeitos do decreto nº 8.243, que cria a Política Nacional de Participação Social (PNPS) e o Sistema Nacional de Participação (SNPS).
(JP Madeira, 02/06/2014).


Governo muda regime por decreto
Veja.
. Decreto Legislativo contra o golpe de Estado do PT nº 8.243. (Vídeo).
. Governo quer fundo para bancar conselhos. (Estadão).
. Mudança de regime por decreto. (Editorial O Estado de SPaulo).
. Dilma decidiu extinguir a democracia por decreto. É golpe! (Reinaldo Azevedo).
. Nova ameaça à democracia. (Editorial Correio Braziliense).
. Decreto agride democracia representativa. (Editorial O Globo).
. A Internacional Comunista.
. História.
. "Vou implantar o Socialismo no Brasil", diz Lula à Walesa.


Geraldo Vandré contando as verdades do Regime Militar

A versão do artista é totalmente diferente da apresentada pela mídia, Quem manipulou? Quem foi o manipulado? E Por quê?


Cantor Ney Matogrosso em entrevista na TV portuguesa


Escritora Adélia Prado denuncia a ditadura do PT

"Nós estamos vivendo um momento muito esquisito, um momento muito triste. É uma ditadura disfarçada. Não me sinto em um país democrático. (...) Na ditadura (militar) nós estávamos mais vivos do que estamos agora."
(Publicado em 18/05/2014).


Vídeos – Parte II
Veja.



LINKS

Blogs
Félix Maier.
Libesfera. (Lista de sites).
Lígia Leal.
Montedo.
Orion Alencastro.
Reinaldo Azevedo.

Sites
Alerta em Rede.
Alerta Total.
A Verdade Sufocada.
Defesa@Net.
Inconfidência.
Infomix.
Mídia Sem Máscara.
Opus Dei.
PNBE.
Prosa &Política. (Andréa Haddad).
Ternuma.
Transparência Brasil.
Tribuna da Imprensa.

Ética na Política
Instituto Millenium.
Observatório da Imprensa.

Notícias de interesse das FFAA
Resenha Diária do Ministério da Defesa.
Resenha OnLine (Exército).

(Volta)
 
 
Copyright: © José G. Pimentel - Todos os direitos reservados.